Tudo sobre componentes eletrônicos

Neste artigo, mostraremos os componentes eletrônicos mais comuns utilizados no mercado:

 

Componentes Eletrônicos

Resistor

Capacitor

Indutor

Diodo

Transistor

 

  1. Resistor

O resistor é um dispositivo capaz de transformar a energia elétrica que passa por ele em energia térmica, por meio do efeito joule. Dessa forma, ele é capaz de limitar a corrente em um determinado ponto do circuito.

 

 

 

 

 

 

 

Como a finalidade do resistor é limitar a corrente em um determinado ponto do circuito, cada resistor possui uma Resistência. É a grandeza elétrica medida em Ohms que determina a oposição do componente a passagem de corrente.

 

Resistor variável

Existem também os resistores variáveis, como potenciômetros e trimpots. Eles variam sua resistência de 0 até um determinado valor.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  1. Capacitor

Sua característica é armazenar cargas elétricas em um campo elétrico.

É formado basicamente por duas placas paralelas separadas por um material isolante, chamado de dielétrico. Quando seus terminais são submetidos a uma corrente elétrica, as placas são carregadas.

 

 

 

 

 

 

 

A quantidade de carga armazenada divida pela tensão elétrica que existe entre as placas é chamada de Capacitância, medida em Farad.

Um Farad é uma capacitância gigantesca, os capacitores mais comuns na eletrônica serão na ordem de microfarad, nanofarad ou picofarad.

 

  1. Indutor

É um componente eletrônico capaz de armazenar energia em forma de campo magnético, gerado pela corrente elétrica que passa pelo indutor.

Bobina e solenoide também são nomes comuns para o indutor.

 

 

 

 

 

 

 

A capacidade do indutor de armazenar energia em forma de campo magnético é a Indutância medida em Henrys (H).

São normalmente construídos a partir de um fio de cobre enrolado em espiras em torno de um núcleo ferromagnético ou não.

 

  1. Diodo

É um componente eletrônico que permite a passagem de corrente em somente um sentido.

 

 

 

 

 

 

 

 

É construído a partir de um material semicondutor, uma espécie de meio termo entre um material condutor e um material isolante.

O diodo possui 2 terminais e é formado por uma junção de silício ou germânio, que permitem que o diodo conduza somente em um sentido.

 

Note na imagem acima que o diodo possui uma faixa cinza. Essa faixa cinza indica qual é o terminal negativo do diodo.

 

 

  1. Transistor

Após a invenção do transistor, o mundo mudou: computadores, eletrodomésticos, celulares e muitas outras coisas começaram a aparecer em grande escala. O transistor aperfeiçoou técnicas de produção de diversos eletrônicos e propiciou o desenvolvimento de toda tecnologia que temos hoje.

 

São componentes eletrônicos que, assim como o diodo, são construídos a partir de um material semicondutor. O transistor tem a capacidade de controlar a passagem de corrente. O transistor normalmente possui três terminais, a base, o coletor e o emissor.

 

 

 

 

 

 

 

 

Quando há uma corrente na base, o transistor permite a passagem de corrente entre o coletor e o emissor. Se não há nenhuma corrente na base, não há passagem de corrente entre o coletor e o emissor.

 

Com o transistor, podemos construir portas lógicas, e a partir de portas lógicas, podemos construir processadores, base de toda computação moderna.

 

Transistores Bipolares

São os transistores de junção NPN e PNP.

São componentes de grande facilidade de polarização e durabilidade.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Transistor Unipolar

Também conhecido como transistor de efeito de campo, a sua condutividade é controlada por uma tensão aplicada externamente.

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *